Vereadores de Apodi se reúnem com direção do DNOCS, em Fortaleza

Vereadores de Apodi se reúnem com direção do DNOCS, em Fortaleza

Vereadores de Apodi se reúnem com direção do DNOCS, em Fortaleza

O Presidente da Câmara Municipal de Apodi, Júnior Souza e o Vereador Laete Oliveira e o gerente da secretaria de Agricultura, Eron Costa estiveram reunidos com Fernando Leão - Diretor Geral do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), com o Coronel Izidio - Diretor Geral de Infraestrutura, e Talyson diretor administrativo, a reunião aconteceu na manhã desta sexta-feira (12), na sede do órgão, em Fortaleza.

 

A reunião se deu a partir da pauta entregue aquele órgão no dia 22 de outubro num encontro na cidade de Caicó/RN. “Visitamos a sede do DNOCS em Fortaleza para tentar destravar as obras do perímetro irrigado da Chapada, assim como povoamento dos açudes com alevinos e perfuração de poços. Não adianta chegar as águas do Rio São Francisco na barragem de Santa Cruz se essa obra continuar paralisada”, explica o presidente Júnior Souza.

 

Na ocasião, entre as demandas apresentadas pelo presidente da Câmara de Vereadores de Apodi, destacam-se a retomada das obras do perímetro irrigado da Chapada, assim como povoamento dos açudes com alevinos e perfuração de poços.

 

De acordo com o parlamentar, Júnior Souza, o Santa Cruz do Apodi é um projeto de desenvolvimento da agricultura irrigada que trará inestimáveis benefícios para toda a população potiguar, pois trará emprego e renda para pequenos, médios e grandes produtores da região, além de aumentar a oferta de alimento. “A Chapada do Apodi é uma região com amplo potencial e condições para a produção e faltava apenas a irrigação”, complementou o presidente.

 

O sistema hidráulico do Projeto de Irrigação Santa Cruz do Apodi tem como manancial de abastecimento o rio Apodi, que possui vazão regularizada pela barragem Santa Cruz, localizada a montante da cidade de Apodi. A captação da água será feita a fio d’água no leito do rio Apodi, entre as localidades de Apodi e Felipe Guerra, a jusante da barragem. Um sistema de captação e recalque composto por uma elevatória com 09 (nove) conjuntos moto-bombas, seguida de 03 (três) adutoras, dimensionados para elevação de uma vazão de 6,00 m3/s até a cota 110 na Chapada do Apodi.

27 visualização(ões)

Ultima visualização: 08/12/2021 03:51

#Legislativo